TRABALHO E SAÚDE DO TRABALHADOR – PARA ONDE CAMINHAMOS?

Ricardo Jahn, Renata Angelis Jamardo

Resumo


O presente artigo pretende realizar uma reflexão acerca do trabalho ao longo da história e a normatização relativa à proteção da saúde do trabalhador (normatização internacional e nacional), questionando a finalidade do trabalho nos tempos atuais e para onde caminhamos. Inicialmente, procurar-se-á traçar um esboço sobre o trabalho ao longo da história, considerando o trabalho escravo, o trabalho feudal, as corporações de ofício, a revolução industrial e o início do capitalismo moderno. Após, discorrer-se-á sobre a finalidade do trabalho, de modo a proporcionar uma reflexão sobre o tema. Analisar-se-á se a finalidade das disposições normativas vem encontrando eco prático nas relações laborais, mais especificamente na questão relativa à saúde do trabalhador, levando em conta a situação acidentária brasileira na atualidade. Por fim, propor-se-á uma reflexão sobre a saúde do trabalhador nas relações de trabalho, nos dias atuais, levando em conta as alterações legislativas de desregulamentação/flexibilização, situação que pode vir a agravar o quadro acidentário em prejuízo da classe trabalhadora e de encontro com a finalidade constitucional atribuída ao trabalho. A metodologia a ser utilizada neste trabalho é o método de abordagem dedutivo, partindo de argumentos gerais para argumentos particulares. A pesquisa, quanto ao procedimento adotado no tema escolhido, é a bibliográfica, uma vez que abrange a bibliografia já pública em relação ao tema de estudo. Por isso esse tipo de pesquisa também se define como pesquisa de fontes secundárias. Quanto ao objetivo do tema, utilizar-se-á a pesquisa exploratória. Ainda, serão feitos fichamentos e fichas de leituras para compreensão do assunto em questão.

Palavras-chave: Trabalho. Saúde do trabalhador. Acidentes de trabalho. Dignidade da pessoa humana.


Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.