O ESTUDO DAS FUNÇÕES TRIGONOMÉTRICAS E SUAS VARIAÇÕES: UMA EXPERIÊNCIA DE ENSINO EM TRÊS TURMAS DO 2º ANO DO ENSINO MÉDIO EM UMA ESCOLA DA REDE ESTADUAL DE SC

Paula Roque Machado Covre, Edison Uggioni

Resumo


Nas disciplinas de Estágio Supervisionado do Ensino Médio I e II, foram realizadas propostas de aprendizagem afim de nos preparar para atuação em sala de aula. Dentre os temas, a avaliação processual, que segundo Xavier e Borba, 2006 “serve para verificar se o trabalho do professor está sendo produtivo e se os alunos estão de fato aprendendo com as situações didáticas propostas”. Exploramos ainda o planejamento, trabalhamos na construção de uma feira de matemática, nesta trabalhou-se progressão aritmética com palitos de picolé e lego para soma e subtração de fração. Além disto, aplicou-se uma aula de 45 mim no ambiente acadêmico, simulando o ambiente escolar, com atividades e questionamentos. O segundo semestre dividiu-se em dois momentos distintos, o período de observação e o período de atuação. O estágio deu-se em três turmas do 2º ano do Ensino Médio da E.E.B. Profª Salete Scott dos Santos, pertencente a rede estadual de SC, no município de Içara. A observação ocorreu durante 13 h/a, neste período foi possível observar a professora titular em atuação e as diferenças presentes em cada turma. Após a elaboração do planejamento e aprovação pela professora titular, ocorreu a regência de classe, com duração de 41 h/a. O objetivo foi compreender o que são funções trigonométricas e suas variações, utilizou-se o livro didático de Dante (2010). Primeiramente, para relembrar o que é função. A partir disto, foi feita a associação com funções trigonométricas. Mostrou-se o círculo trigonométrico e seus ângulos relacionados aos números reais, ou seja, conclui-se com os alunos que agora o domínio das funções seriam os ângulos do círculo. Estudou-se cada função individualmente, foi iniciado com o estudo da função seno, após foi realizado o estudo da função e posteriormente o estudo da função tangente. O estudo evidenciou o conhecimento de que as funções trigonométricas são funções angulares, ou seja, faz-se uso dos ângulos do círculo trigonométrico e são periódicas. A cada estudo realizado, utilizava-se o aplicativo Photomath, e constatava-se o resultado encontrado, além de fazer todo o estudo da notação que aplicativo fornecia. Posteriormente, iniciamos o estudo das senoides do tipo y=a+b.sen(c.x+d), foi realizada uma atividade na qual fariam no mesmo plano cartesiano a curva da função seno e suas variações em “a”, “b” ou “c”, para que pudessem analisar o que significava cada uma. Como a escola não possui laboratório de informática, foi improvisado o uso do software GeoGebra na sala de aula. No momento da correção, com o auxílio do data show os alunos puderam ver todo o movimento das curvas. No que diz respeito a tecnologia em sala de aula, pode-se analisar que ao inserir a tecnologia no processo de ensino-aprendizagem, a aula torna-se mais atrativa e os estudantes se interessam mais. Após o estudo dos trabalhos realizados em sala de aula, as provas, recuperações, apesar das dificuldades encontradas, pode-se afirmar que foi válida toda a experiência.

Palavras-chave: Avaliação processual, Domínio, Imagem, Período, Tecnologia.


Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Conselho Editorial


Ademir Damazio

Edison Ugioni

Elisa Netto Zanette

Kristian Madeira

Ledina Lentz Pereira

 

Comissão de Avaliação

Ademir Damazio

Edison Ugioni

Elisa Netto Zanette

Eloir Fátima Mondardo Cardoso

Kristian Madeira

Ledina Lentz Pereira

Viviane Raupp Nunes de Araújo