Perfil clínico de neonatos internados em uma UTI do sul catarinense

Josiani Mondardo Sávio, Cecília Marly Spiazzi dos Santos, Rozilda Lopes de Souza, Cristiane Damiani Tomasi

Resumo


Estudo com objetivo de identificar o Perfil Clínico de Neonatos Internados em uma Unidade de Terapia Intensiva Neonatal (UTI-N), pesquisa de abordagem quantitativa, descritiva. O estudo foi desenvolvido em um Hospital de Médio Porte da Região Sul de Santa Catarina no município de Criciúma- SC. A amostra estudada foi através de documentos arquivados no local do estudo, a Unidade de Terapia Intensiva Neonatal, a análise dos dados foi realizada a partir da base de dados, através da ordenação, classificação e análise final dos dados pesquisados. Para tanto, foram coletados através de questionários contidos em 18 prontuários o correspondente no período de Outubro a Dezembro de 2014 de recém-nascidos que estiveram internados na UTIN. As analise foram feitas através de estatísticas descritivas, onde esta adotou um índice de significância(p<0,05). Onde a associação entre Insuficiência, sepse e cardiovascular ficou estatisticamente em (p=0,829), o uso de VM (p=0,694), capuz de O² ficou (p=0,993), o uso de sedação ficou (=0,875) e o uso de fototerapia ficou em (p=0,017), concluiu-se que os 18 recém nascidos  pesquisados, submeteram-se a procedimentos invasivos e não invasivos, para tanto a necessidade dos cuidados da UTI neonatal.


Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.18616/is.v5i1.1915

Direitos autorais 2016 Inova Saúde

Qualis:

B4: Educação Física, Enfermagem e Interdisciplinar.  

B5: Saúde Coletiva

C: Ciências Biológicas I e Medicina I 


ISSN 2317-2460

 

Indexação

      

Suporte e Apoio: