CONHECIMENTO DOS PROFISSIONAIS DE ENFERMAGEM DAS UNIDADES BÁSICAS DE SAÚDE SOBRE REANIMAÇÃO CARDIOPULMONAR EM ADULTO

Rafael Luiz Alves, Vanessa de Bona Laurentino, Marilene Nonnemacher Luchtemberg, Silvia Salvador do Prado

Resumo


Os profissionais de enfermagem deparam-se constantemente com situações que necessitam de intervenção iminente devido ao alto risco para morte. A parada cardiorrespiratória (PCR) é um exemplo, uma vez que a chance de sobrevida
diminui drasticamente a cada minuto que passa. Com o aumento progressivo de
PCR em lugares considerados não críticos (aqui se inclui as unidades básicas de
saúde), existe uma grande necessidade de capacitar todos os profissionais da área da saúde, pois a chance de obter sucesso em uma Reanimação Cardiorrespiratória depende principalmente da competência das pessoas que irão intervir nesta situação, bem como o tempo que elas levarão para iniciar tal procedimento. Assim, o objetivo do estudo foi identificar o conhecimento das equipes de enfermagem que atuam em Unidades Básicas de Saúde sobre Reanimação Cardiopulmonar em adultos. A escolha do tema surgiu por inquietação dos pesquisadores, a partir de experiências vivenciadas frente ao despreparo desses profissionais que muitas vezes apresentam ao lidar com pacientes em parada respiratória e ou cardiorrespiratória.


Texto completo:

PDF


Direitos autorais 2018 Inova Saúde

Qualis:

B4: Educação Física, Enfermagem e Interdisciplinar.  

B5: Saúde Coletiva

C: Ciências Biológicas I e Medicina I 


ISSN 2317-2460

 

Indexação

      

Suporte e Apoio: