As crônicas do capital: o Estado, a modernidade e políticas sociais

Jackson Leal da Silva

Resumo


O presente trabalho aborda a problemática relação envolvendo o Estado, a Modernidade e as Políticas Sociais. Para isto, utiliza-se de um jogo de metáforas e papéis retirados do filme As Crônicas de Nárnia 1: O Leão, e Feiticeira e o Guarda-roupa; filme que guarda simetria com o titulo deste trabalho e com as características dos institutos elementares nesta relação conflituosa entre assistência social e perpetuação sistêmica. O transcurso desta análise parte de um breve histórico acerca dos paradigmas de assistência social, suas práticas e concepções; para analise central do papeis desenvolvidos modernamente e que guarda profunda e lamentável semelhança com o filme citado; e chega-se a proposição de um enigma de políticas sociais. Que estas não sejam dadas pura e unicamente pelo Estado, e sim construídas e vivenciadas na prática das construções sociais, a partir de uma dinâmica emancipatória e genuinamente cidadã. Realiza-se tal abordagem a partir de uma metodologia eminentemente bibliográfica, e parte-se de uma análise crítico-reflexiva. 

 


Texto completo:

PDF


Direitos autorais

 

ISSN 2237-7395

 

Editores:

Lucas Machado

Gustavo Borges