A MEDIAÇÃO COMO RECURSO NÃO MEDICALIZANTE NA SUPERAÇÃO DE IMPASSES EDUCACIONAIS

Marcelo Peres Geremias, Pablo Michel Barcelos Pereira, Sandra Regina de Barros de Souza

Resumo


O estudo trata-se de uma revisão bibliográfica sobre o movimento medicalizante e suas implicações no contexto educacional, questionando sua real efetividade na resolução de impasses vivenciados por alunos, professores e familiares envolvidos no processo de ensino-aprendizagem. Tem como principal objetivo explorar o conceito de mediação discutido na teoria existencialista visando utilizá-lo como ferramenta para uma discussão que objetive a superação do movimento medicalizante, bem como dos impasses educacionais, colocando em questão não somente os métodos educativos utilizados pelas escolas e professores, como também o papel dos pais frente às dificuldades educacionais apresentadas pelos seus filhos.

Palavras-chave: Medicalização da Educação; Mediação; Teoria fenomenológica Existencialista.


Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Direitos autorais 2019 Seminário de Filosofia e Sociedade

Coordenadores:

Alex Sander da Silva

Jéferson Luis de Azeredo


ISSN: 2527-1415