IMPACTOS DO PIBID/UNESC/SUBPROJETO PEDAGOGIA PARA A FORMAÇÃO DOS PROFESSORES SUPERVISORES

Gabriela Borges da Cunha, Ricardo Luiz de Bittencourt

Resumo


O processo de formação do professor não se encerra na graduação. O professor que já está inserido no contexto escolar vai aperfeiçoando suas práticas pedagógicas no decorrer de sua carreira para que se consiga uma garantia de qualidade de sua formação. A pesquisa tem por finalidade analisar como a participação do professor supervisor no Pibid/Unesc/Subprojeto Pedagogia se constitui como possibilidade de desenvolvimento profissional e formação continuada. O PIBID como programa de formação de professores está dentro da perspectiva de ligar a teoria aprendida no curso de Pedagogia da UNESC- Universidade do Extremo Sul Catarinense e a prática dentro da sala de aula nas escolas. Os professores das escolas públicas participantes do subprojeto têm a função de acompanhar as atividades dos bolsistas no espaço escolar, atuando como co-formadores no processo de iniciação à docência. Foram realizadas entrevistas com quatro professoras supervisoras de diferentes escolas, participantes do subprojeto. A pesquisa se fundamenta em autores como Garcia (1997), Freire (1996), Tardif (2002) e Nóvoa (2009) que apontam reflexões a respeito da formação docente. Por fim, conclui-se que o Pibid/Unesc/Subprojeto Pedagogia contribui de forma significativa para o desenvolvimento profissional do professor e proporciona possibilidade de formação continuada.

PALAVRAS CHAVE: PIBID. Formação Inicial. Formação Continuada. Professores Supervisores.


Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.18616/rsp.v3i1.4563

Apontamentos

  • Não há apontamentos.




Direitos autorais 2018 Revista Saberes Pedagógicos

 

 

ISSN 2526-4559


Editor-chefe

Dr. Ricardo Luiz de Bittencourt

Corpo Editorial Científico

Dra. Andréia Morés, Universidade de Caxias do Sul, Brasil

Dr. Carlos Augusto Elsébio, Universidade Federal do Paraná, Brasil

Dr. Christian Muleka Mwewa – Universidade Federal do Mato Grosso do Sul, Brasil

Dr. Gildo Volpato, Universidade do Extremo Sul Catarinense, Brasil

Dra. Maria Antônia Ramos de Azevedo, Universidade Estadual Paulista, Brasil

Dra. Maria Isabel da Cunha, Universidade Federal de Pelotas, Brasil

Dra. Marta Regina Furlan de Oliveira, Universidade Estadual de Londrina, Brasil 

Dra. Mariana Saez, Universidade Nacional La Plata, Argentina

Dra. Maria Veronica Leiva Guerrero, Pontificia Universidad Católica de Valparaíso, Chile

Dra. Patrícia Jantsch Fiuza – Universidade Federal de Santa Catarina, Brasil