Diagnósticos de enfermagem na saúde da mulher

Mônica Dal Pont Bonfanti, Cristiane Damiani Tomasi, Luciane Bisognin Ceretta, Ioná Vieira Bez Birollo

Resumo


O estudo tem como objetivo identificar os diagnósticos de enfermagem em mulheres na oportunidade do exame de citologia oncótica atendidas em uma Estratégia de Saúde da Família, com base na Taxonomia II da NANDA-I. Estudo de abordagem quantitativa, do tipo transversal e descritivo foi desenvolvido com uma amostra censitária de 183 mulheres. Os diagnósticos de enfermagem foram extraídos das consultas de enfermagem realizadas pelo método OTDPIA e fundamentadas na teoria do autocuidado de Dorothea Orem. Identificou-se 48 diagnósticos de enfermagem, destacando 6 que apresentaram frequência maior que 50,0%: Disposição para tomada de decisão melhorada, Risco de volume de líquidos deficientes, Estilo de vida sedentário, Conhecimento deficiente, Disfunção sexual e Conforto prejudicado. O estudo evidenciou comportamentos de risco devido ao conhecimento precário das mulheres. Conclui-se que ao compreender as demandas terapêuticas na saúde da mulher, o enfermeiro poderá subsidiar intervenções no contexto da atenção primária à saúde a partir das necessidades da mesma, numa perspectiva integral e resolutiva.

Palavras-chave: Diagnóstico de enfermagem. Autocuidado. Saúde da mulher. Atenção primária à saúde.


Texto completo:

PDF


Direitos autorais 2016 Revista do Programa de Residência Multiprofissional em Atenção Básica / Saúde da Família

ISSN 2317-7500
 
Organizadores:
Luciane Bisognin Ceretta;
Josete Mazon;
Ioná Vieira.