GESTÃO DO CONHECIMENTO E O EMPODERAMENTO FEMININO PARA O DESENVOLVIMENTO DAS ORGANIZAÇÕES CATARINENSES

Karoline Brasil de Oliveira, Cristina Keiko Yamaguchi

Resumo


Os estudos sobre empoderamento estão inseridos nas mais diversas áreas do conhecimento, com destaque nas áreas deciências sociais, medicina e psicologia (NUTBEAM, 2000; RAPPAPORT, 1987), negócios, gestão e contabilidade (HARTLINE; FERRELL, 1996) e enfermagem (GIBSON, 1991).Outro foco, que ganha destaque dentro dos estudos que contemplam o empoderamento, está relacionado a questões de gênero, tais como trabalhos sobre osmovimentos feministas (SARDENBERG, 2006), estratégias para inclusão das mulheres nas políticas sociais (LISBOA, 2008) e da mulher no mercado de trabalho (SOUZA; MELO, 2009; MELO; LOPES, 2011).A pesquisa em questão seguirá a corrente teórica de Horochovski e Meirelles (2007) que descrevem oempoderamentocomo o desenvolvimento de indivíduos, grupos ou organizações que passam a atuar em âmbitos de decisões mais complexas e com um maior grau de influencia nas organizações. Considerando este ponto de vista, esta pesquisa abordará o empoderamento da mulher e as mudanças que este fenômeno tem provocado no desenvolvimento socioeconômicodas organizações. Para tanto, o objetivo deste trabalho buscará avaliar como a gestão do conhecimento contribui para o empoderamento da mulher empreendedora. O estudo será aplicado junto às Mulheres Empreendedoras do Conselho Estadual da Mulher Empresária de Santa Catarina – CEME e buscará conhecer o empoderamento da mulher, a partir da análise de casos empíricos,na promoção do desenvolvimento socioeconômico do estado de Santa Catarina.Quanto à metodologia, esta pesquisa é interdisciplinar, pois no processo a autora irá trabalhar o empoderamento,empreendedorismo feminino, gestão do conhecimento e desenvolvimento. O método utilizado será o dedutivo,pois irá partirde premissas encontradas na literatura em busca da validação das mesmas (LAKATOS; MARCONI, 2003). A pesquisa será qualitativa, pois irá explorar os assuntos tratados a fim de atender o objetivo (CRESWELL, 2010) e terá caráter descritivo e exploratório, pois irá analisar as características das participantes do CEME e também buscaráconhecer os mais diversos aspectos referentes ao objeto estudado. O delineamento adotado para a pesquisa é de levantamento em virtude do objetivo de compreender o comportamento da população do estudo (GIL,2002).O instrumento de coletade dados será um questionário estruturado por meio de entrevista gravada com a diretoria composta por 18 mulheres do Conselho Estadual da Mulher Empresária do Estado de Santa Catarina.

Palavras-chave: Empowerment; Empreendedorismo; Mulher.


Texto completo:

PDF


Direitos autorais 2016 Seminário de Ciências Sociais Aplicadas

ISSN 2236-1944