A INTERDISCIPLINARIDADE COMO FERRAMENTA DE PESQUISA NO DIREITO DA CRIANÇA E DO ADOLESCENTE: UMA ANÁLISE ACERCA DO TRABALHO INFANTIL

Juliana Paganini

Resumo


O presente trabalho teve como objetivo, compreender e analisar a erradicação do trabalho infantil no Brasil, a partir de uma reflexão interdisciplinar. A escolha pelo tema se deu pelos dados significativos apresentados pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística de crianças e adolescentes trabalhando no Brasil. No andamento deste trabalho, utilizou-se do método de abordagem dedutivo, adotando o procedimento monográfico. As técnicas envolveram pesquisa documental-legal e bibliográfica. O procedimento se deu de modo qualitativo. Os resultados obtidos apontaram para a comprovação de que a erradicação do trabalho infantil no Brasil é tão complexa que o direito isoladamente não consegue refletir e transformar essa realidade, necessitando do diálogo com outras disciplinas. Entretanto, para responder a questão de pesquisa, qual seja, se o direito da criança e do adolescente utiliza outros saberes para reflexão da erradicação do trabalho infantil no Brasil, verificou-se que ainda existe certa resistência dos pesquisadores quanto a prática da reflexão interdisciplinar. Devido a isso, faz-se necessário que os estudiosos desenvolvam humildade e sabedoria, encarando tal desafio numa luta que não diz respeito apenas ao direito, mas a todos àqueles que abrem mão de seus medos, comodismos e orgulhos, para assumirem uma postura de engajamento pela transformação social.

Palavras-Chave: Interdisciplinaridade; Pesquisa; Trabalho infantil.


Texto completo:

PDF


Direitos autorais 2017 Seminário de Ciências Sociais Aplicadas

ISSN 2236-1944