Envelhecimento Populacional no Conselho Regional de Desenvolvimento do Litoral/RS e as implicações para as políticas públicas

Rossandra Oliveira Maciel de Bitencourt, Fabiano Abranches Silva Dalto

Resumo


O objetivo geral deste trabalho consiste em analisar o processo de envelhecimento populacional nos municípios do Conselho Regional de Desenvolvimento do Litoral. A metodologia utilizada foi um levantamento de dados junto ao Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística e ao Programa das Nações Unidas para o Desenvolvimento. A abordagem de análise foi quantitativa. No que se refere aos resultados, constatou-se inicialmente que no período de 2000-2010 esta foi a região do estado com maior destaque no aumento populacional. Com relação à população acima de 60 anos, este aumento foi de 75% superando as médias estadual e nacional. Por um lado, tem-se o aumento da população idosa nos balneários proveniente de pessoas que residiam na região metropolitana do estado, e após a aposentadoria buscam um lugar tranquilo que propicie lazer e maior qualidade de vida. Por outro lado, nos municípios rurais verifica-se os fenômenos do êxodo juvenil, da masculinização e do envelhecimento do campo. Ou seja, embora os balneários apresentem expressivo aumento da população idosa por atrair aposentados, os municípios rurais destacam-se pelo intenso processo de envelhecimento daqueles que permanecem no campo. Em suma, os municípios precisam estar empenhados em atender as deliberações da Política Nacional do Idoso no que se refere à garantia de direitos, à inserção dos idosos no espaço público enquanto sujeitos sociais e coletivos. Porém, os resultados desta pesquisa evidenciam que a população idosa do COREDE Litoral apresenta demandas segundo as especificidades de cada município. O que requer cautela na implementação de políticas públicas, pois estas não podem ser racionalmente planejadas para uma determinada categoria, englobando um universo de indivíduos que na prática não são homogêneos.
Palavras-chave: Corede Litoral, Envelhecimento Populacional, Políticas Públicas


Texto completo:

PDF


Direitos autorais 2018 Seminário de Ciências Sociais Aplicadas

ISSN 2236-1944