A ARTE RUPESTRE DO EXTREMO SUL CATARINENSE: O CASO DO SÍTIO MALACARA I – SANTA CATARINA – BRASIL

Hérom Silva de Cezaro, Ariana Silva Braga, Marcos César Pereira Santos, Jairo José Zocche, Juliano Bitencourt Campos

Resumo


No município de Praia Grande, estado de Santa Catarina, o sítio arqueológico de arte rupestre denominado Malacara I apresenta gravuras geométricas, associada às tradições Geométrica Central, Meridional e Litorânea Catarinense, descritas por André Prous e Niède Guidon para o Sul do Brasil. Neste artigo buscamos fazer primeiramente o levantamento bibliográfico sobre arte rupestre no Brasil, com foco direcionado para o Sul do País, buscando aporte teórico para as análises do sítio arqueológico. Em um segundo momento do artigo descrevemos o levantamento oportunístico e o levantamento da gravura do sítio em questão.

Texto completo:

PDF




Direitos autorais



 

 

ISSN Eletrônico 2358-9426

 ISSN Impresso 1413-8131

Licença Creative Commons

Este obra está licenciado com uma Licença Creative Commons Atribuição-CompartilhaIgual 4.0 Internacional.