APLICAÇÃO DO MÉTODO LEAN SEIS SIGMA NO REUSO DO EFLUENTE TRATADO. ESTUDO DE CASO: FABRICAÇÃO DE PAPEL TISSUE

Naiara Machado Casagrande, Vanessa Renata Monteiro, Nadja Zim Alexandre

Resumo


O setor de produção de papel é um grande consumidor de água, por isto foi desenvolvido este projeto com intuito de aumentar a taxa de reuso do efluente tratado. O objetivo é atender a demanda de água da empresa, que produz em média 150 toneladas de papel tissue diariamente. O estudo foi desenvolvido por meio de uma metodologia que busca as oportunidades de melhoria no processo, Lean e Seis Sigma. A metodologia considerou a máquina de papel como cliente da estação de tratamento de efluentes. A partir daí, com auxílio dos responsáveis pela estação, foram apontadas as principais variáveis que influenciam na qualidade da água, por meio de um brainstorming. Avaliou-se o grau de importância de cada uma destas variáveis em relação a parâmetros pré-estabelecidos que devem ser atingidos para garantir a recirculação com segurança na qualidade da água. Com a confecção de um diagrama de Pareto, foram obtidos os modos de falha mais críticos, do mesmo modo com o auxílio dos 5 por quês, foram investigadas as causas das falhas a fim de se encontrar soluções. Por fim, a instalação das melhorias propostas reflete na implementação das soluções e obtenção da água com qualidade e condições exigidas pelo processo.

Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.18616/ta.v25i0.5220



Direitos autorais 2019 Tecnologia e Ambiente



 

 

ISSN Eletrônico 2358-9426

ISSN Impresso 1413-8131

 

Qualis Interdisciplinar - B4

Ciências Ambientais, Engenharia I, Geociências, História e Planejamento Urbanos e Regional/Demografia - B5

Antopologia/Arqueologia, Biodiversidade e Ciência de Alimentos - C 

 

 

Licença Creative Commons

Este obra está licenciado com uma Licença Creative Commons Atribuição-CompartilhaIgual 4.0 Internacional.