ESQUIZOFRENIA INFANTIL: UM RELATO DE EXPERIÊNCIA DE UM CASO CLÍNICO COMPLEXO COM ABORDAGEM TERAPÊUTICA

Autores

  • Leonel Della Giustina Caon UNESC
  • Livia Della Giustina Caon UNESC
  • Natalia Campagnaro Marin UNESC

DOI:

https://doi.org/10.18616/inova.v13i3.8313

Resumo

A esquizofrenia em crianças e adolescentes é uma síndrome que consiste em sintomas positivos e negativos de psicose que impactam no desenvolvimento e funcionamento cognitivo. Esse estudo objetiva relatar um caso de esquizofrenia na infância, demonstrando seus aspectos clínicos e diagnósticos. Paciente de 12 anos, sexo feminino, apresentou-se com sintomas psicóticos graves, como alucinações visuais e auditivas, delírios persecutórios e tentativa de suicídio por medicamentos, além de crises de ansiedade, insônia, irritabilidade e humor deprimido. Diante da clínica preocupante, suspeitou-se de esquizofrenia. O tratamento foi iniciado com antipsicótico atípico, para abordar os sintomas psicóticos, como alucinações e delírios. Além disso, foi prescrito um antidepressivo tricíclico para aliviar a ansiedade, o humor hipotímico e a insônia. Houve uma melhora gradual nos sintomas psicóticos, na ansiedade e no humor e a ideação suicida diminuiu significativamente. É importante destacar que o tratamento da esquizofrenia é um processo contínuo, portanto a paciente continuará sendo monitorada. Como conclusão, o estudo ressalta a importância de uma abordagem integrada e precoce para melhorar a qualidade de vida de pacientes jovens que enfrentam desafios psiquiátricos complexos.

Palavras-chave: Esquizofrenia, psiquiatria do adolescente, ideação suicida.

Downloads

Publicado

2023-12-08