CULTURAS JUVENIS NOS LIVROS DIDÁTICOS: UM ESTUDO DAS REPRESENTAÇÕES DA JUVENTUDE EM UMA COLEÇÃO DE LÍNGUA PORTUGUESA DO ENSINO MÉDIO

Autores

  • Marcelo Wendhausen Bitencourt UNESC- Universidade do Extremo Sul Catarinense

DOI:

https://doi.org/10.18616/ce.v9i1.3600

Resumo

Este artigo é uma síntese da minha dissertação de mestrado intitulada Culturas juvenis nos livros didáticos: estudo da representação da juventude numa coleção de português do ensino médio, que trata de uma análise documental qualitativa em uma coleção de livros didáticos de Língua Portuguesa utilizada pelas escolas públicas de ensino médio brasileiras. Como ponto de partida buscou-se ampliar o olhar sobre o fenômeno da juventude, ancorando-se em autores como Juarez Dayrell, Paulo Carrano, Luiz Carlos Gil Esteves, M. Abramovay. A coleção analisada por esse estudo, foi a coleção Linguagens do PNLD (Programa Nacional do Livro didático) de 2015. Na etapa de análise dos livros didáticos, procurou-se identificar elementos gráficos e textuais que dialogam com as culturas juvenis. Nessa perspectiva a pesquisa ancora-se nas contribuições de estudiosos como Mikhail Bakhtin, que enfatiza o papel da linguagem como fenômeno social e histórico e não apenas uma estrutura abstrata ou fenômeno meramente subjetivo. Com essa pesquisa foi possível identificar que que sempre que o tema da juventude é revisitado, ampliam-se novas reflexões que sugerem outras perspectivas de análises e ações a serem realizadas. Pensando a linguagem na visão de Bakhtin, como uma experiência viva, que se altera a partir de relações dialéticas, percebeu-se a relevância dos elementos verbais e verbo-visuais inseridos dentro dos materiais didáticos bem como a construção dialética dos mesmos com o jovem aluno.

Palavras-chave: Culturas Juvenis; Análise de Livros Didáticos; Ensino Médio; Educação.

YOUTH CULTURES IN TEXTBOOKS: A STUDY OF THE REPRESENTATION OF YOUTH IN A COLLECTION OF PORTUGUESE HIGH SCHOOL.

ABSTRACT
This article is a summary of my master's thesis entitled Youth Cultures in Textbooks: a study of the representation of youth in a collection of Portuguese high school, which deals with a qualitative documentary analysis in a collection of Portuguese language textbooks used by public schools secondary education. As a starting point, we sought to broaden our perspective on the phenomenon of youth, anchoring itself in authors such as Juarez Dayrell, Paulo Carrano, Luiz Carlos Gil Esteves, M. Abramovay. The collection analyzed by this study was the collection Languages of PNLD (National Program of Textbook) of 2015. In the analysis, I have tried to identify graphic and textual elements that dialogue with youth cultures. In this perspective, the research is anchored in the contributions of scholars such as Mikhail Bakhtin, who emphasizes the role of language as a social and historical phenomenon and not just an abstract structure or a merely subjective phenomenon. This research has revealed that whenever the theme of youth is revisited new reflections that suggest other perspectives of analyzes and actions to be carried out are extended. Thinking language in Bakhtin's view, as a living experience that changes from dialectical relations, this research has shown the relevance of verbal and visual elements inserted within school books and their dialectical construction.

Keywords: Young Cultures; Analysis of Didactic Books; High school; Education.

 

Downloads

Publicado

2020-05-04