ANÁLISE DA VIABILIDADE DE APROVEITAMENTO DE ÁGUA DA CHUVA PARA FINS NÃO POTÁVEIS EM EDIFICAÇÃO DA UNIVERSIDADE FEDERAL DO OESTE DO PARÁ - SANTARÉM

Autores

DOI:

https://doi.org/10.18616/ta.v28i0.6844

Resumo

Este estudo avalia o potencial de aproveitamento de água de chuva em uma edificação da Universidade do Oeste do Pará (UFOPA). A metodologia seguiu a norma da ABNT/NBR–15527/2007, com destaque para a seleção e o dimensionamento do reservatório do sistema via método da simulação, buscando a avaliação do tripé de sustentabilidade ambiental, viabilidade econômica e social. Após simulações para determinação do reservatório do sistema, determinou-se um reservatório com volume de 274 m³. Esse valor atenderia a demanda integral de água para usos não potáveis da edificação. Entretanto, a dimensão desse reservatório impede sua implantação devido à falta de espaço às proximidades da edificação. Assim, optou-se pela simulação do reservatório com um volume de 78 m³, obtendo-se um custo de R$ 82.982,59 para a implantação do sistema. Apesar do sistema de abastecimento da Universidade ser realizado por extração própria de poço profundo. Realizou-se a análise para se ter uma confrontação com valor de mercado da Companhia de Saneamento, que para o consumo estipulado totalizou mensalmente uma tarifa de R$ 2.159,01. Os resultados obtidos indicaram uma possibilidade de suplementação ou redução do consumo de água potável nos banheiros da edificação escolhida por um período de 9 meses e com uma necessidade de suplementar o sistema projetado nos 3 meses de estiagem da região.

Biografia do Autor

Isaías Conceição Gonçalves, Universidade Federal do Pará

PPCS - Programa de Pós-Graduação em Processos Construtivos e Ambiental

Recursos Hídricos

Claudio José Cavalcante Blanco, Universidade Federal do Pará

FAESA - Faculdade de Engenharia Sanitária e Ambiental Recursos Hídricos

Downloads

Publicado

2021-12-20

Edição

Seção

Artigos