PERFIL E CONDIÇÃO ORAL DE PACIENTES COM PNEUMONIA NOSOCOMIAL EM UMA UNIDADE DE TERAPIA INTENSIVA GERAL DE UM HOSPITAL FILANTRÓPICO DO SUL CATARINENSE

Autores

  • Ingrid Ricken Belmiro Universidade do Extremo Sul Catarinense
  • Tiago Venâncio Galant
  • Eron José Baroni

DOI:

https://doi.org/10.18616/inova.v13i1.5392

Resumo

Comparar o perfil dos pacientes internados na UTI geral, com as doenças sistêmicas e condições orais presentes que incitem no desenvolvimento da pneumonia nosocomial. Estudo de caráter quantitativo, exploratória e de campo, conduzida em uma UTI geral de um hospital filantrópico de alta complexidade do sul catarinense com a análise do perfil e das condições bucais de 25 pacientes. Dos pacientes internados no referido setor, 6 (24%) tiveram diagnóstico de pneumonia nosocomial, com faixa etária de 60 anos ou mais em 4 (66,7%), do sexo masculino 4 (66,7). Destes, 5 (83,3%) estavam em ventilação mecânica; tabagismo e o etilismo apresentaram-se a 1 (16,7%). Foi constatado que, 3 (50%) dos pacientes são desdentados totais; 3 (50%) apresentaram lesão cariosa cavitada; 3 (50%) biofilme dental em demasia. Presença de alterações do periodonto em 3 (50%) e em 5 (83,3%), biofilme lingual. Houve candidíase em 4 (66,7%), raiz residual em 2 (33,3%) e lesões traumáticas de mucosas em 5 (83,3%) dos pacientes com pneumonia nosocomial. De modo geral, a doença cardiovascular esteve presente nos 17 (68%) indivíduos da amostra. Diante dos dados expostos no presente estudo, não foi possível estabelecer relação entre o perfil dos pacientes internados na UTI geral com as comorbidades e condições orais presentes que incitem no desenvolvimento da pneumonia nosocomial. Entretanto, a ventilação mecânica, o biofilme lingual e as lesões traumáticas da mucosa se mostraram elevadas nos pacientes com pneumonia. As informações da literatura a respeito do sexo, idade e doenças sistêmicas concomitantes foram confirmadas no estudo.

Biografia do Autor

Ingrid Ricken Belmiro, Universidade do Extremo Sul Catarinense

Cirurgiã-dentista

Downloads

Publicado

2022-11-03

Edição

Seção

Epidemiologia